Uso dos e-mails pessoais

20.05.2019

Back to news

Foi detectado que uma das funcionárias estava enviando dados confidenciais do e-mail corporativo para o pessoal.

Investigação e prevenção do incidente: a carta continha dados pessoais dos empregados e dos clientes. Ao ser questionada a funcionária alegou que ia utilizar as informações para escrever um trabalho de faculdade sobre o tema "A influência da política da administração da empresa sobre o ambiente na equipe". Alguns dias depois, o departamento de gestão de risco interceptou uma carta, que revelou que a funcionária estava negociando um novo emprego na companhia de seguros. A base de dados pessoais servia de "ingresso" para esta empresa. A infratora foi demitida com justa causa.